Esta foto tornou-se viral e chamaram-na de “Noiva mais feia e gorda do Mundo”. Passado 5 anos ve como está:

Vivemos num mundo e num tempo muito superficiais, em que ser diferente simplesmente não se encaixa no estereótipo da dita pessoa normal que, sendo tachada de ‘feia’ ou ‘esquisita’, é logo colocada de parte do resto da sociedade.

É uma realidade cada dia mais forte nessa sociedade meritocrática onde uns são melhores que outros logo ao nascer…

Com certeza que você se recorda dessa casal, cuja história se viralizou em 2011. Um casal da Rússia que postou as fotos da boda nas redes sociais e que deram muito que falar.

O povo da internet costuma externalizar seu ódio adotando inimigos de estimação. A mulher russa logo ganhou o apodo de “a noiva mais feia do mundo”.

A russa – que se chama Natasha – foi chamada de feia e que seu cabelo caía tanto que se podia ver a careca. Indiferente às críticas, o noivo se portava como se tivesse encontrado o amor de sua vida


Muita gente logo duvidou da realidade dessa matrimônio, ao afirmar que.a fotografia era uma montagem. Entrementes, o casal continuava a postar fotos da sua vida em comum, dando uma lição a essa gente, de que a vida é muito mais importante que a beleza exterior.

Os internautas se dividiram. Enquanto muita gente apoiou o casal, outros vaticinaram que aquele amor estava ao fracasso retumbante. O tempo provou que aquele amor veio para ficar. A família aumentou coma chegada de uma criança saudável e linda.

Atualmente, Natasha está irreconhecível. A sua aparência mudou radicalmente pois desde o primeiro ano de casamento que ela estava decidida a mudar sua vida radicalmente.


A russa submeteu-se a dietas rigorosas, passou por cirurgias corretivas e encarou milhares de horas na academia. Fez um tratamento para os dentes e fez um implante capilar para combater a calvície. Ela diz que fez tudo isso para sentir-se mais segura e confiante, porque nunca duvidou do amor de seu marido, que é policial.

Em diversas ocasiões, o marido declarou que Natasha é a mulher de sua vida e que, ainda que seu aspecto tenha mudado, ela continua a ser a mulher por quem se apaixonou e a mãe de seu filho.